Flagrantes de excesso de velocidade aumentam 80% na região durante Operação Ano-Novo

Rodovia Raposo Tavares (SP-270) em Presidente Prudente (Foto: Stephanie Fonseca/G1)

s imagens registradas por radares flagraram 1.243 motoristas trafegando em excesso de velocidade durante a Operação Ano-Novo 2017/2018 realizada pela Polícia Militar Rodoviária nas estradas da região de Presidente Prudente, segundo o balanço oficial divulgado nesta terça-feira (2). O número representa um aumento de 80,93% em comparação com os 687 flagrantes contabilizados durante a mesma operação na virada de 2016 para 2017.

Os autos de infrações por embriaguez ao volante tiveram um aumento de 90%, passando de dez para 19. Já as multas pela falta de uso do cinto de segurança dispararam de 48 para 130, uma taxa de elevação de 170,83%.

Os números de autos de infrações por ultrapassagens em locais proibidos mantiveram-se praticamente os mesmos, com 100 registros em 2016/2017 e 101 em 2017/2018. Tendência parecida também se verificou nos autos de infrações aos condutores que se recusaram a submeter-se ao teste do bafômetro, com 17 registros em 2016/2017 e 16 em 2017/2018.

Operação Ano-Novo na região de Presidente Prudente (Foto: Polícia Militar Rodoviária)

Acidentes

A região de Presidente Prudente não registrou morte em uma malha de 1.500 quilômetros de estradas durante o período de realização da Operação Ano-Novo 2017/2018. No ano passado, houve uma vítima fatal.

Houve queda de 30% nos acidentes sem vítima, com dez registros em 2016/2017 e sete em 2017/2018. Nos acidentes com vítimas, a queda foi de 45,45%, de 11 para seis. Foram seis pessoas com ferimentos leves, em 2017/2018, contra 15, em 2016/2017, uma redução de 60%. Houve diminuição de 75% no total de vítimas com lesões graves, com um caso em 2017/2018 e quatro em 2016/2017.

Na virada de 2017 para 2018, a operação foi realizada durante quatro dias, entre 29 de dezembro e 1º de janeiro, enquanto no Réveillon anterior teve três dias de duração.

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.