UniFAI abre Processo Seletivo para contratação temporária de professores de Medicina

As inscrições serão recebidas exclusivamente pelo hotsite até o dia 24 de junho

 

 

 

O Centro Universitário de Adamantina (UniFAI) informa, por meio do Edital 27/2018, que estão abertas as inscrições do Processo Seletivo para admissão temporária de docentes do curso de Medicina.

O certame se dará para o preenchimento de vagas nas disciplinas de Anestesiologia: Reanimação e Assistência Ventilatória; Cirurgia Plástica; Clínica Médica I; Introdução à Medicina de Urgência; Obstetrícia e Fisiopatologia da Reprodução I; Oftalmologia; Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço; Patologia Especial; e de Pediatria.

As inscrições, cujo valor é de R$ 150, serão recebidas exclusivamente pelo hotsite www.unifai.com.br/concursos até o dia 24 de junho.

A prova didática e a entrega do currículo Lattes documentado e da comprovação da experiência profissional (para avaliação de títulos) será marcada para 28 e/ou 29 de junho. A prova de títulos será em 2 de julho e a classificação final será divulgada em 4 de julho, com a devida homologação no dia 17 do mesmo mês.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (18) 3502-7010 ou no Edital disponível no hotsite.

Requisitos para os candidatos

Os requisitos para o candidato ao cargo de professor de “Anestesiologia: Reanimação e Assistência Ventilatória” são os de graduação em Medicina e Residência Médica em Anestesiologia pela Associação Médica Brasileira (AMB) ou título de especialista em Anestesiologia pela Sociedade Brasileira de Anestesiologia.

Já para o candidato ao cargo de docente em Cirurgia Plástica, é preciso ser graduado em Medicina e Residência Médica em Cirurgia Plástica pela AMB ou título de especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Para ser professor de Clínica Médica I é necessário se graduado em Medicina e ter Residência Médica ou especialização em Clínica Médica ou Cardiologia ou Gastroenterologia pela AMB ou pelas respectivas Sociedades Brasileiras.

No caso da disciplina de Introdução à Medicina de Urgência, o candidato deve ter graduação em Medicina e Residência Médica ou especialização em Cardiologia, Cirurgia Geral, Neurologia, Pneumologia, Ortopedia ou Anestesiologia pela AMB ou pelas respectivas Sociedades Brasileiras.

Interessados na docência em Obstetrícia e Fisiopatologia da Reprodução I precisam ter graduação em Medicina e Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia pela AMB ou título de especialista em Ginecologia e Obstetrícia pela Sociedade Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia.

Exigência de graduação em Medicina e Residência Médica ou especialização em Oftalmologia pela AMB ou pela Sociedade Brasileira de Oftalmologia para os candidatos a professor da disciplina de Oftalmologia.

Graduação em Medicina e Residência Médica ou especialização em Otorrinolaringologia ou Cirurgia de Cabeça e Pescoço pela AMB ou pelas respectivas Sociedades Brasileiras para os interessados na disciplina de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço.

Em Patologia Especial, o candidato a professor deve ser formado em Medicina e possuir Residência Médica em Patologia pela AMB ou título de especialista em Patologia reconhecido por órgão competente.

Por fim, os requisitos para o candidato ao cargo de professor de Pediatria são os de graduação em Medicina e Residência Médica em Pediatria pela AMB ou título de especialista em Pediatria pela Sociedade Brasileira de Pediatria.

Por Daniel Torres

 

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.